Produto

Certificação Energética

Sem titulo

José Vicente Fazenda, Lda.

Parceria com:

bosh

O que é a certificação energética?

A certificação energética classifica o desempenho energético de um edifício ou fração autónoma, numa escala de A+ a G e recomenda um conjunto de melhorias.

Trata-se de uma legislação nacional que entrou em vigor a 1 de dezembro de 2013 com o DC lei nº 118/2013 de 20 de agosto do mesmo ano.

04

O sistema certificação energética dos edifícios (SCE) obriga por lei à certificação energética.

O que obriga a SCE?

  • Obriga à certificação energética de novos edifícios ou grandes reabilitações, quer de habitações, comércio e serviços e se for o caso de edifícios para venda ou aluguer
  • Obriga a auditorias periódicas caso os edifícios existentes de comércio e serviços tenham uma área útil> 1000 m2 mas tendo exceções se for uma área útil> 500 m2
    • As exceções são:
      • Centros Comerciais;
      • Hipermercados;
      • Supermercados;
      • Piscinas cobertas:

O que é avaliado para a certificação energética?

  • Avaliação:
    • Paredes;
    • Coberturas;
    • Pavimentos;
    • Vãos envidraçados;
    • Sistemas de climatização;
    • Sistema de preparação de águas quentes sanitárias;
    • Sistemas de aproveitamento de energias renováveis;
    • Sistemas de ventilação;

Posta esta avaliação são estudadas medidas de melhoria ao desempenho energético, tais como:

  • Aplicação de isolamento na envolvente;
  • Substituição/instalação de janelas com elevado desempenho térmico;
  • Aplicação de sistemas de energia renováveis;
  • Substituição/instalação de caldeiras e esquentadores mais eficientes para AQS e aquecimento;

 

Qual o tempo de validade dos certificados?

Para edifícios de habitação e pequenos edifícios de comércio e serviços é de dez anos.

Existem exclusões?

Sim existem exclusões tais como:

  • Infraestruturas militares e imóveis da administração pública;
  • Igrejas e locais de culto;
  • Garagens, armazéns desde que não climatizados;
  • Edifícios industriais e agrícolas com atividade de produção;
  • Edifícios em zonas históricas, edifícios classificados;
  • Moradias unifamiliares com área útil inferior a 50m2;

Que tipo de documentação é necessário?

  • Dados do proprietário e NIF;
  • Planta de edifício/fração;
  • Cópia da caderneta predial das finanças;
  • Cópia da certidão de registo na conservatória;
  • Ultima fatura da energia elétrica;
  • Cópia da ficha técnica de habitação se for superior a 2005;
  • Certificação dos colectores solares térmicos e manutenção dos mesmos (se aplicável);
  • Dados técnicos dos sistemas de climatização de AQS;
  • Dados técnicos das caixilharias;

Com a parceria da BOSCH, a empresa José Vicente Fazenda, Lda. coloca ao seu dispor o serviço para a certificação energética

O preço do certificado varia de acordo com a dificuldade técnica do respectivo projeto, áreas e tipologia do imóvel (valores na tabela preços BOSCH abaixo) e acresce uma taxa, paga à ADENE – Agência para a Energia, que varia consoante o edifício se destine a habitação ou a comércio (serviços), de acordo com a Portaria n.º 349-A/2013 (D.R. n.º 232, Suplemento, Série I) de 29 de Novembro de 2013.

hp
06

Caso esteja interessado no nosso serviço não hesite em contactar e levar toda a documentação descrita anteriormente.

Contactos